Na tarde desta quarta-feira (17), o governador Rui Costa visitou as instalações do Hospital Metropolitano (HM), em Lauro de Freitas. Esta foi uma das últimas vistorias a serem realizadas no equipamento de saúde, que será aberto no próximo sábado (20) e terá 280 leitos.

O governador percorreu todos os setores do hospital. “São 280 leitos aqui, sendo 100 de UTI. Além desses e dos 200 da Fonte Nova, estamos abrindo mais 220 leitos no interior. Onde está sendo possível, nós estamos abrindo. O Hospital Metropolitano vai ser gerido definitivamente por uma Parceria Público-Privada [PPP], mas, em função do agravamento [da pandemia], estamos abrindo temporariamente para atender casos de Covid-19”, afirmou Rui.

O titular da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Fábio Vilas-Boas, também acompanhou a vistoria. Além de UTIs Cardiológica e Geral, o HM possui Centro Cirúrgico, Anestesia, UTI Neurológica, dentre outros. Tanques de 30 mil metros cúbicos de oxigênio líquido serão revezados para alimentar a unidade hospitalar.

“Ao todo, o Hospital Metropolitano vai abrir com 100 leitos de terapia intensiva [UTI], 120 leitos de uma unidade que nós denominamos Unidade de Assistência Respiratória [para pacientes dependentes de oxigênio, dotada de serviços de fisioterapia 24 horas] e mais 60 leitos de enfermaria geral”, enumerou Vilas-Boas.

Enquanto durar a pandemia, o Hospital Metropolitano atenderá somente pacientes com quadros graves da Covid-19. Quando em plena atividade, o hospital empregará 1.350 profissionais diretamente. A unidade fica às margens da Via Metropolitana, no bairro Jardim Castelão, em Lauro de Freitas.

Repórter: Renata Preza