Penso que a rua, que a possibilidade de encontro, é algo que fortalece muito as pessoas, a alegria como forma de existir. Agora, neste momento, a gente não pode fazer isso, brincar o Carnaval. Mas, bem, pode se conectar com isso tudo dentro de casa, mantendo esse fogo interno, esse brilho da esperança, pondera. A gente pode continuar se cuidando, se respeitando - essas mesmas coisas que a gente prega enquanto está todo mundo na rua -dentro de casa.
O Prefeito de Santa Cruz Cabrália, postou em suas redes sócias que desde 2017, Cabrália comemora uma das festas mais esperadas da cidade. Mas, esse ano, devido à pandemia, esse grande evento, que faz a alegria de moradores e turistas que vêm de todo país, não poderá ser realizado. Os trios elétricos que arrastam multidões, da Praia de Arakakaí ao belíssimo cenário da Avenida Paulo Souto, onde o Rio João de Tiba faz encontro com o mar, infelizmente, vai ter que ficar para o ano que vem. Temos fé que, essa situação irá passar e, em breve, estaremos juntos festejando, essa data, com segurança e a energia contagiante de sempre!