Começa na segunda-feira (12), a formação continuada dos professores indígenas da rede estadual de ensino, contemplando, também, educadores das redes municipais, por conta do regime de colaboração da Secretaria da Educação do Estado (SEC) com os municípios. A atividade, que será realizada por educadores da Fundação Getúlio Vargas (FGV), incluindo indígenas de etnias como a Guarani, Tupinambá e Pataxó, tem abertura às 9h, no Centro de Cultura de Porto Seguro.

A formação continuada envolverá cerca de 130 professores das redes estadual e municipais de Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália, Prado, Belmonte e Itamaraju. Além de Porto Seguro, a formação continuada acontecerá nos polos de Itabuna e Paulo Afonso. Temas relevantes e atuais para o processo de ensino e aprendizagem nas escolas indígenas serão discutidos, visando o fortalecimento do pertencimento étnico; a valorização dos conhecimentos tradicionais indígenas; as visões de mundo; e o acesso aos códigos, ciências e tecnologias da sociedade nacional.

O curso acontecerá em três módulos: 12 a 16/8; 9 a 13/9; e 7 a 11/10. A rede estadual de ensino conta, atualmente, com 6.765 estudantes indígena matriculados em 27 escolas indígenas e 43 anexos, em todo o Estado, contemplando 16 etnias.

Fonte: Portal Municípios