O Tribunal Regional Federal da 1ª Turma em Brasília, por unanimidade, devolveu os cargos aos prefeitos afastados pela operação Fraternos em novembro.

Por 5×0, o tribunal entendeu que deveria suspender o afastamento dos prefeitos e reintegra-los automaticamente ao cargo.

Com isso, Claudia Oliveira de Porto Seguro, Robério Oliveira de Eunápolis e Agnelo Santos de Cabrália, voltam aos cargos a partir desta quinta-feira(05).

Maiores Informações a qualquer momento.